A Maria Gancha

Os mais velhos, para evitar que as crianças se aproximassem dos poços, que são um autêntico perigo, costumavam dizer aos filhos:
– Não vás para a beira do poço, pois vive lá a Maria Gancha e ela pode agarrar-te e levar-te para o fundo.
As crianças ficavam com medo e não se aproximam.
E para que não houvesse dúvidas da verdade, contavam a seguinte história:
Um dia um rapazinho, que parece que tinha o diabo no corpo, não se mostrou amedrontado com o que a mãe lhe disse acerca da Maria Gancha e arriscou aproximar-se da boca de um poço. Espreitou para dentro e viu que era muito fundo e escuro. Pegou num calhau e lançou-o dentro. O dito calhau fez um grande estardalhaço ao tocar nas paredes do poço, que eram de pedra e, ao chegar ao fundo, agitou as águas, acordando a Maria Gancha. Esta, zangada com o atrevimento do rapaz, subiu pela corda do balde com que se tirava a água, agarrou-o com os seus braços em forma de gancho e levou-o para o fundo e ali o afogou.
Os pais, preocupados com o desaparecimento do filho, procuraram-no em vão por todo o lado. Uma vizinha, quando no dia seguinte foi tirar água ao poço para fazer a janta, deu com ele a boiar.

 

 

As bruxas têm um pacto com o diabo, lançam "mau-olhado", enfermidades e malvadeza através de suas bruxarias. Transformam-se em mariposas para entrar nas casas pelo buraco da fechadura a fim de chupar o sangue de crianças, preferencialmente aquelasque ainda não foram batizadas.

Geralmente identificam-se as bruxas como sendo mulheres magras, feias e antipáticas e aquelas que cumprimentam com a mão canhota.

Para espantar ou desencantar uma bruxa, podem ser usadas tesouras abertas, ceroulas amarradas, alho, rezas e benzeduras.

Lobisomens

 

Diz a lenda que quando uma mulher tem 7 filhas e o oitavo filho é homem, esse menino será um Lobisomem. Também o será, o filho de mulher amancebada com um Padre.

 

Sempre pálido, magro e orelhas compridas, o menino nasce normal. Porém, logo que ele completa 13 anos, a maldição começa.

 

Na primeira noite de lua cheia, depois do aniversário, ele sai à noite e vai até uma encruzilhada. Ali, no silêncio da noite, transforma-se em Lobisomem pela primeira vez, e uiva para a lua.

 

Daí em diante, todas as noites de lua cheia, ele corre pelas ruas ou estradas desertas com uma matilha de cachorros ladrando atrás. Nessa noite, ele visita, 7 partes da região, 7 pátios de igreja, 7 vilas e 7 encruzilhadas. Por onde passa, açoita os cachorros e apaga as luzes das ruas e das casas, enquanto uiva de forma horripilante.

 

Antes do Sol nascer, quando o galo canta, o Lobisomem volta ao mesmo lugar de onde partiu e se transforma outra vez em homem. Quem estiver no caminho do Lobisomem, nessas noites, deve rezar três Ave-Marias para se proteger.

 

Para quebrar o encanto, é preciso chegar bem perto, sem que ele perceba, e bater forte em sua cabeça. Se uma gota de sangue do Lobisomem atingir a pessoa, ela também se torna Lobisomem.

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS